23 de setembro de 2011

Acredite Em Você

Vivemos em um mundo onde somos cobrados o tempo todo. Você deve ser assim, você deve ser assado, faça isso, faça aquilo. E quando não conseguimos alcançar determinados objetivos ou corresponder às expectativas dos outros em relação a nós mesmos, nos sentimos frustados. Daí vem a sensação de fracasso. Você fica se martirizando, se auto-condena, se sente a pior das pessoas. O resultado de tudo isso só pode ser um: você acaba acreditando que não será ninguém na vida, que não serve para absolutamente nada, e que terá que aprender a conviver com a derrota para sempre.

Infelizmente, isso acontece com a maioria das pessoas, até mesmo com aquelas que se dizem cristãs. Se isso vem acontecendo com você, amigo(a), é sinal de que você não acredita em si mesmo. Essa é a razão principal do seu fracasso.

Deus, sabendo que isso se passava e se passaria com todo mundo (aliás, todos nós enfrentamos momentos difíceis e temos esse tipo de pensamento), deixou-nos uma palavra simples, mas eficaz: "Tens tu fé? Tem-na em ti mesmo diante de Deus." (Romanos 14:22)

Logo, amigo(a), Deus quer que tenhamos fé em nós mesmos, ou seja, Ele deseja que acreditemos na nossa capacidade. Afinal de contas, Deus não trabalha sozinho (como já foi falado no artigo "Oração - ação = or (?)"). Não que Ele precise de nossa ajuda, ou de um "empurrãozinho" para nos abençoar, mas sim porque o milagre começa dentro de cada um de nós. Se você não acredita nos talentos que você tem, como poderá fazer uso deles? Se você vive se auto-condenando, como poderá seguir em frente e vencer as suas lutas? Deus quer fazer de você uma pessoa grande, mas isso não poderá se realizar enquanto você pensar pequeno.

Todos nós temos uma habilidade especial. Alguns tem talento para cantar, outros para escrever, cozinhar, pintar, costurar, calcular, vender, criar, tocar, administrar... Enfim, cada um nasce com um talento diferente, e cabe a nós descobrirmos o nosso e desenvolvê-lo, fazendo com que ele gere frutos. A partir do momento que você passa a se conhecer e descobre qual é o seu dom, você cria a consciência de que é capaz de ser e fazer o que quiser. "[...]cada um tem o próprio dom da parte de Deus, uns de um modo e outros de outro." (1 Coríntios 7:7)

Até mesmo os incrédulos estão "dando um banho" nos cristãos, crescendo na vida, enquanto os que "creem em Deus" estão ficando para trás. Mas por que isso acontece? Porque tais incrédulos acreditam em si mesmos, têm visão, vão para a guerra, enquanto os cristãos se contentam com pouco, aceitam essa vida miserável, vivem no comodismo e baseados na emoção. Use a inteligência, amigo(a): se até o incrédulo que não tem nada a ver com Deus tem conseguido conquistar o que ele quer, por que você não conseguiria tendo Deus ao seu lado? Está aí o segredo da vitória: o verdadeiro vencedor acredita no seu potencial.

Talvez seja por isso que você tem vivido essa vida sem objetivos e sem metas. Se você não acredita em si mesmo, como poderá acreditar em Deus? Ninguém muda a própria vida de braços cruzados ou se escondendo do mundo. Mostre o que você tem de melhor (digo isso por experiência própria. Quando comecei a acreditar no meu potencial - mostrando isso também através de atitudes - tudo em minha volta mudou, e eu passei a caminhar em direção aos meus objetivos. A minha vida, enfim, ganhou um sentido).

Você tem fé? Tenha em si mesmo diante de Deus. Não importa como você tem vivido até hoje, o seu passado não interessa para Ele. Também não importa o quê ou quem você é. Apenas "Livra-te, salva a tua vida; não olhes para trás" (Gênesis 19:17). Tome alguma decisão em relação a você antes que seja tarde demais.

Você acredita na sua capacidade? E com quais atitudes você mostra isso? Quais são os seus talentos? Como eles podem te tirar dessa mesmice de vida?

Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.